Rua Águas de São Pedro, 339 - Osasco-SP 11 2266-6570 contato@eurolabanalises.com.br

Matérias interessantes

Conheça nossas Matérias interessantes:

Falta de limpeza em ar condicionado pode ser prejudicial à saúde

Fungos inalados, se acumulam nas vias respiratórias e agravam doenças. Limpeza dos aparelhos de casa deve ser feita por técnicos uma vez por ano...

Leia mais...

Ar condicionado exige limpeza cuidadosa

A limpeza dos dutos de ar-condicionado de prédios públicos e particulares deve seguir normas específicas para manter a qualidade do ar respirado pelas pessoas que frequentam esses ambientes...

Leia mais...

Limpeza de ar condicionado previne doenças

O verão só terá início em dezembro, mas muitas pessoas e empresas já começaram a se preocupar em realizar a limpeza preventiva dos ar-condicionados, já que é neste período que o tempo fica mais seco e as pessoas mais propícias a doenças...

Leia mais...

Qualidade do ar - Meio ambiente

Os processos industriais e de geração de energia, os veículos automotores e as queimadas são, dentre as atividades antrópicas, as maiores causas da introdução de substâncias poluentes à atmosfera, muitas delas tóxicas à saúde humana e responsáveis por danos à flora e aos materiais...

Leia mais...

Indicadores da qualidade do ar

O nível da poluição do ar é medido pela quantificação das principais substâncias poluentes presentes neste ar, os chamados Indicadores da Qualidade do Ar...

Leia mais...

Indicadores de qualidade - Índice de qualidade das águas (IQA)

O Índice de Qualidade das Águas foi criado em 1970, nos Estados Unidos, pela National Sanitation Foundation. A partir de 1975 começou a ser utilizado pela CETESB (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo)...

Leia mais...

Análise do Ar ou Microbiológica: O que é e Como é Feita?

A análise do ar ou microbiológica tem por finalidade aferir a qualidade do ar do interior de ambientes climatizados. É o caso de escritórios, clínicas médicas e odontológicas, hospitais, hotéis, universidades, instituições financeiras e todas os demais ambientes que possuem sistema de refrigeração.

É fundamental manter a qualidade do ar no interior dos ambientes, já que geralmente são muitas pessoas que vivem e trabalham ali. A nossa saúde respiratória, em grande medida, depende da qualidade do ar que respiramos.

A análise do ar é realizada seguindo os procedimentos e padrões estabelecidos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária, na Resolução ANVISA RE nº 9 | 16 de janeiro de 2003. A norma legal também estabelece a obrigatoriedade de elaboração do Plano de Manutenção, Operação e Controle (PMOC) dos sistemas de condicionamento de ar.

Além disso, a realização da análise do ar também torna possível verificar a eficiência dos aparelhos de ar condicionado e possibilita a adoção de medidas para manter a renovação de ar adequada dos ambientes. Saiba a seguir como essa análise é realizada e quais fatores são observados no processo.

Como é medida a qualidade do ar?

A aferição da qualidade do ar é feita por meio da coleta de água da bandeja ou da serpentina do aparelho de ar condicionado para verificar os níveis de contaminação do sistema de ar condicionada.

Uma série de fatores são levados em conta ao avaliar a qualidade do ar. Entre eles:

Pureza do ar: é verificada a quantidade de aerodispersóides, que são partículas muito pequenas presentes no ar, que podem ser nocivas ao sistema respiratório. Trata-se de névoas, fumos ou poeiras, ou aerossóis (líquidos).Também é aferida a concentração e feita a identificação dos bio dispersóides (fungos, bactérias, vírus e outros microrganismos) no ar. A alta concentração dessas partículas e microrganismos pode causar problemas como alergias respiratórias e irritações oculares.

Renovação do ar: é verificado, por meio de um equipamento específico, se a quantidade de gás carbônico está em padrões aceitáveis. Apesar do gás não ter alta toxicidade, a alta concentração de gás carbônico gera abafamento e falta de ar, além disso pode tornar o ar menos capaz de diluir químicos mais pesados, como o dióxido de nitrogênio.

Parâmetros físicos de temperatura, umidade e velocidade do ar: a leitura desses indicadores é realizada por meio de equipamentos de alta tecnologia. Esses parâmetros têm a ver com o conforto do ambiente. Caso eles estejam fora dos padrões indicados, não causam apenas desconforto, mas também podem deixar o ambiente mais propício a fungos e bactérias nocivos, além de poluentes químicos.

A importância do profissional capacitado na realização da análise da qualidade do ar ou analise microbiológica do ar.

É importante salientar que, para que a análise gere todos os benefícios, é preciso que seja realizada por profissionais capacitados. É necessário que as amostras sejam enviadas para um laboratório independente, para que sejam analisadas com isenção em todo o processo.

O laboratório escolhido para a realização da análise deve emitir os laudos físico, químico e microbiológico sobre a qualidade do ar, cumprindo todas as exigências determinadas na portaria da Anvisa.

Saiba mais sobre Análise do Ar ou Microbiológica metodologias, análises químicas e físicas e equipamentos utilizados.